A essência dos grupos sócio-religiosos e a história da humanidade

Por Gustavo Guerrear, autor do Tabernaculonet - 04/08/2012

ritual_sociedade_secreta_www_tabernaculonet_com_br.jpg

De início deixo bem claro que este texto é totalmente baseado na visão cristã do mundo e do ser humano. Isso não significa que, caso você discorde desta visão, deva deixar de lê-lo. Eu mesmo estudo religiões e sociedades secretas há pelo menos quinze anos e inclusive acho interessante ter conhecimento sobre o que pensam grupos e pessoas que não tem a mesma crença que a minha. Este estudo ao longo dos anos tem sido baseado em diversas fontes de informação. Posso dizer com tranquilidade que não existem sociedades secretas no sentido literal. Estes grupos sócio-religiosos existem há milhares de anos, praticamente desde a fundação do mundo, e durante este tempo passaram tanto por crescimento quanto por declínio e acompanharam todas as mudanças pelas quais o mundo passou. Quando digo crescimento e declínio me refiro à quantidade de membros e, consequentemente, de poder.

Ao olharmos para a história da humanidade percebemos facilmente que na essência do ser humano, de modo geral, estão presentes a busca por poder e a busca pelo sobrenatural (seja este, na prática, Deus, Lucifer, bem, mal, relatividade, “deuses”, iluminação do ser humano etc.). Por isso sempre foi comum a junção destes dois desejos. Além disso desde cedo o ser humano percebeu que é muito melhor reunir um grupo de pessoas com um mesmo propósito, do que tentar dominar sozinho (embora muitos desejem isso). Devido a estes fatores não é difícil compreender o surgimento de grupos sociais ligados a qualquer tipo de pensamento, ritual ou conceito religioso de qualquer tipo.

Vou chamar de Sociedade Secreta todo tipo de grupo sócio-religioso que não faça parte daquele clássico grupo das maiores religiões do mundo (Cristianismo, Judaísmo, Islamismo, Budismo, Hinduísmo…), que todos sabem do que se trata. Na verdade, se pararmos pra pensar, pouquíssimos grupos sócio-religiosos não tem alguma prática ou conceito secreto (que não é abertamente divulgado). Também é fácil perceber que a grande maioria destes grupos tem práticas iguais ou parecidas. É incrível como existem religiões teoricamente diferentes, atuantes em lugares isolados, envolvidas em culturas específicas, mas que tem muitas práticas iguais. Por exemplo, existe a crença na Reencarnação. O número de religiões com esta mesmíssima crença é muito grande. Eu diria até a grande maioria delas. Até mesmo religiões que aparentemente seriam contrárias na verdade tem esta crença (exemplo: Judaísmo).

Eu, como cristão-protestante, acredito que da mesma forma que Deus levou seus ensinamentos a alguns povos (não só ao povo de Israel, como foi no início), Satanás também disseminou diversos tipos de conceitos, filosofias e crenças. Tanto que, dentro da visão cristã, fica clara a direta ação de demônios (através da realização de alguns tipos de atos sobrenaturais) na criação e disseminação de diversas religiões. Existem diversas religiões ocidentais com alguns conceitos completamente iguais aos de religiões orientais, ambas surgidas há milênios. Claro que o próprio ser humano diversas vezes ao longo da história chegou a conclusões iguais em diversas partes do globo, e que existem culturas até iguais surgidas em locais diferentes, mas existem também religiões com crenças e práticas estruturadas originárias de locais completamente diferentes. E muitas delas surgiram após algum tipo de evento sobrenatural.

Veja a mitologia de alguns lugares, como se parecem. O conceito de “meio deus, meio homem” existe em diversas culturas diferentes (Grécia, Egito, antigas religiões da América Latina…). Algumas delas surgiram com a influência de outras, mas existem sim algumas que surgiram em épocas iguais ou parecidas, mas locais completamente diferentes. É sabido que o homem, além de buscar o sobrenatural, sempre buscou ser “deus” e muitos mitos e histórias passadas de pai para filho podem simplesmente ter sido inventadas por causa desse desejo. Mas também é fato que existem diversos grupos religiosos que acreditam realmente nessa possibilidade.

É fácil chegar à conclusão de que muitos grupos sócio-religiosos são derivados de outros pré-existentes. As profundas mudanças ocorridas no mundo ao longo dos séculos, como é natural, refletiram diretamente na religião do ser humano, inclusive a constante luta por poder sempre causou divisões e destas o surgimento de grupos religiosos derivados.

Existem também religiões que reúnem a crença de diversas religiões diferentes, pré-existentes. Como cristão-protestante vejo isso como uma preparação para o cumprimento da profecia bíblica a respeito da religião única mundial, comandada pelo Anticristo, como relatado em diversos livros da Bíblia, principalmente o livro de Apocalipse. Tanto que esta mistura de crenças tem crescido muito nos últimos séculos e principalmente nas últimas décadas.

Quanto às sociedades secretas propriamente ditas e grupos sócio-religiosos com crenças e práticas “não reveladas abertamente”, digo que não são tão secretas assim. No passado, onde reinava o medo e a ignorância, era fácil manter segredo e controlar informações. Mas a sociedade mudou muito, e nos últimos tempos o que tem acontecido é a divulgação dessas crenças e práticas que até então eram mantidas em segredo. Além disso, o número de pessoas que fizeram parte de sociedades secretas e, por algum motivo, saíram e literalmente deram com a língua nos dentes também cresceu muito. As informações destes ex-membros tem ecoado livremente e na maioria dos casos revelam crenças e práticas verdadeiras. Depois, além de informações trazidas por ex-membros, começaram a serem mostrados livros internos destas sociedades secretas. Então não era mais algo dito por um ex-membro, mas livros internos que revelam as mais obscuras crenças e práticas. Hoje não é preciso fazer parte de uma sociedade secreta para conhecer as práticas que eles tentam manter em segredo. É bastante comum membros de sociedades secretas entrarem em contato comigo por email e quando mostro para eles um pouco do que sei a respeito de seu grupo, vejo que nem mesmo ele, que está dentro, sabe algumas informações. Isso ocorre frequentemente porque a maioria das sociedades secretas revela conhecimentos internos de modo gradativo. É comum aparecerem por aí ex-membros de sociedades secretas dizendo que chegaram a graus elevados e depois que saíram leram em livros internos informações que não lhes haviam sido passadas.

Veja a Maçonaria (cito por ser o melhor exemplo), como suas informações internas estão facilmente acessíveis a qualquer pessoa que se dispor a procurá-las. Tanto em livros como em vídeos e sites vemos ex-membros passando essas informações, antes secretas, abertamente. E, além disso, encontramos facilmente livros antes liberados só a membros sendo disponibilizados na Internet. É muito fácil encontrá-los. Hoje qualquer um, com um pouco de esforço, pode ter acesso a todos os livros da Maçonaria. E não me refiro a livros escritos por ex-maçons, mas livros escritos pelos líderes da Maçonaria e mantidos em segredo desde os primórdios. O mesmo serve para gestos, frases secretas, e senhas para reconhecimento de uma pessoa como membro, por exemplo. Essa ideia da Maçonaria como “um grupo de homens se ajudando financeiramente e fazendo filantropia” só serve para enganar os que não leram pelo menos poucos textos sobre a sociedade secreta.

Sabem o que eu posso concluir hoje, após este tempo estudando informações internas de sociedades secretas e grupos sócio-religiosos com base no Esoterismo, na Bruxaria ou no Ocultismo? Tudo não passa de disputa de poder, busca de algum tipo de crescimento próprio e jogo de interesses. Chegam a criar uma atmosfera e uma pseudo-realidade com o objetivo de facilitar a própria vida, suprimir seus medos, massagear o ego e de algum modo permitir suas crenças e a realização de seus desejos.

Tudo que vi de crenças e práticas “secretas” nestes grupos envolvia um ou mais itens que destaco a seguir, só pra citar os principais exemplos:

- adoção de algum tipo de crença ou prática originária de alguma religião pré-existente;
- adoção de crenças ou práticas que são consideradas “esquecidas” ou que supostamente tenham sido abolidas;
- práticas ou crenças que de alguma forma ferem a legislação vigente no país onde estão;
- prática de rituais que de algum modo seriam mal vistos pela sociedade;
- prática de rituais que envolvem sacrifícios de animais;
- práticas de rituais que envolvem sacrifícios humanos;
- práticas de rituais que envolvem pactos de sangue ou de outros tipos;
- práticas de rituais que envolvem o contato com substâncias alucinógenas;
- práticas de rituais que envolvem relações sexuais, orgias e/ou homosexualismo;
- práticas de rituais que envolvem o contato com “entidades”, “guias”, “seres superiores”, ou algum tipo de ser não-humano (ou demônios);
- práticas e rituais que envolvem o auto-flagelo;
- entrega/consagração de filhos a “entidades”, “guias”, deuses ou demônios;
- informações que de algum modo beneficiam quem as possuem;
- informações usadas para identificar pessoas, grupos, organizações ou empresas como membros ou ligadas de alguma forma à sociedade secreta;
- informações ligadas a assuntos polêmicos ou controversos, como por exemplo a existência de seres extra-terrestres (não que este item específico seja comum na maioria das sociedade secretas);
- informações ou crenças que podem ser considerados “loucura” ou “absurdo” pela sociedade.

Então se você tinha curiosidade de saber quais tipos de informações essas sociedades secretas tentam manter em segredo, de alguma forma envolvem um ou alguns destes itens. Ou se você segue alguma crença esotérica ou ocultista e esperava “evoluir” para encontrar algo completamente surpreendente, ou algum “conhecimento superior”, é esse tipo de coisa aí que você vai encontrar. Ou ainda se você pertence a uma sociedade secreta e orgulhava-se do conhecimento “secreto” e achava-se superior por ter acesso a tais informações, o que eu te digo é: “parabéns, você é bom mesmo”. As Sociedades Secretas de todos os tipos mais atuantes no mundo (Maçonaria, Illuminati, RosaCruz, Caveira e Ossos, Golden Dawn, O.T.O., Opus Dei, “Irmandade”, entre outras) envolvem alguns destes itens, portanto se você está em alguma delas e nunca viu nada do tipo, você não tem a menor ideia de onde está se metendo (ou está completamente cego).

A vida pode ser simples se nós não a complicarmos. Comece a reparar mais os acontecimentos no mundo comparando-os com os alertas que os cristãos tem feito, baseados nas profecias bíblicas. Deus tem o melhor pra nós e não precisamos nos render a interesses obscuros nem crescer com egoísmo em detrimento do crescimento dos outros. Acompanhe os acontecimentos: a verdade está aparecendo e logo será totalmente entendida por todos.

* Autor: Gustavo Guerrear, do site Tabernaculonet.

* Informações sobre Sociedades Secretas:
http://www.tabernaculonet.com.br/luz.php?facho=m0101

Temos 8 Comentários sobre o artigo “A essência dos grupos sócio-religiosos e a história da humanidade”

Observação: Os comentários não expressam necessariamente a opinião do Tabernaculonet. A responsabilidade é do autor de cada comentário.

  1. Ivani Medina diz:

    “[…]. Porque não há coisa alguma escondida, que não venha a ser manifesta: nem coisa alguma feita em oculto, que não venha a ser pública”. (Marcos 4: 38-21)

  2. Priscila diz:

    Tem um livro que fala sobre tudo isso. Contando a história de Daniel Mastral. Fascinante!

  3. alexandre diz:

    Parabens ao Irmao Gustavo e ao Tabernaculonet,Deus abençoe!

  4. Magnoni diz:

    Esse povo são todos cegos fazendo este tipo de conduta.

  5. Suzan diz:

    Parabéns,

    Muito esclarecedor o texto, e até desanima aqueles que buscam “mistérios e segredos” porque na verdade estes não existem, ou pelo menos não mais. O que existe é um vazio que o homem procura preencher que é do tamanho de Deus portanto só ele poderia ocupar este espaço vazio. Tudo está nas Escrituras e desde sempre elas nos revelaram a verdadeira busca do homem e os males que viriam após esta busca independente de Deus.

  6. Discípulo diz:

    “Mas também é fato que existem diversos grupos religiosos que acreditam realmente nessa possibilidade”. Ué, mas o grupo que recebe a palavra de Deus não acredita? (João 10:34)

    Não entendi. É para ler e confiar que o que você escreve é a visão cristã? Parece coisa de sociedade secreta, em que o homem passa conhecimento para o outro e ficam achando que todos são cegos, menos eles.

    Em momento algum senti constrangimento de me humilhar e pedir que Deus tenha misericórdia de mim e me revele a verdade. Cara, seu relacionamento com esses estudos é muito mais forte que seu relacionamento com Deus.

    É renúncia na certa a resposta do Espírito Santo.

  7. CLAUDIA diz:

    Parabéns pelo texto, como diz em Lucas 8:17
    “Porque não há coisa oculta que não haja de manifestar-se, nem escondida que não haja de saber-se e vir à luz.”
    temos que saquear o inferno em nome do Senhor Jesus, pessoas estão sendo iludidas nessas seitas horrorosas.

  8. abner diz:

    excelente o site,por favor não parem com as atualizações em nome de Jesus!

Dê a sua opinião!

Espaço para comentários referentes ao assunto abordado nesta página.
Os comentários são de responsabilidade do autor e não representam necessariamente a opinião do Tabernaculonet.
Os comentários são lidos antes de serem publicados.

imagem CAPTCHA